Linha do Horizonte e Ponto de Fuga

PERSPECTIVA LINEAR é uma das principais técnicas das artes visuais. Ela se baseia em princípios matemáticos deduzidos a partir do funcionamento da percepção visual humana. No vídeo anterior eu demonstrei que existem várias formas de desenhar em perspectiva, de criar a representação tridimensional em uma superfície (teoricamente) bidimensional. Nesse vídeo eu explico os dois princípios fundamentais da perspectiva linear: linha do horizonte e ponto de fuga.
 
A arte figurativa se baseia na imitação da natureza. Ela procura representar em uma superfície ou objeto formas semelhantes às que percebemos objetivamente, entre elas a figura humana. A essa imitação os teóricos de arte chamam "mimese". A mimese tem uma função semelhante no teatro, quando um ator representa um papel, imitando os trejeitos de certo personagem diferente de si mesmo, e simulando condições emocionais. Nas artes visuais a mimese se refere à imitação das formas da natureza através da representação artística, seja ela desenho, pintura, escultura, ou outra. Por muito tempo a mimese foi um fator primordial nas artes visuais, pois o artista, sobretudo o pintor e o escultor, tinham a responsabilidade de ser também retratistas, antes do advento da fotografia.
 
A perspectiva linear como a conhecemos hoje é relativamente recente. Os princípios matemáticos que regem a percepção humana foram aplicados à arte visual em meados do século XV, pouco antes da renascença italiana. Esses princípios ajudaram os artistas a avançarem muito na capacidade de mimese, alavancando a "qualidade" da arte a níveis antes nunca alcançados. A mimese se tornou um dos principais parâmetros de medida para a qualidade de uma obra de arte, ao lado de outros, como a harmonia de cores e composição. Essa obsessão com a forma foi quebrada no impressionismo e resgatada no neoclassicismo.
 
Os dois princípios fundamentais da perspectiva linear são: linha do horizonte e ponto de fuga.
 
A linha do horizonte é uma linha imaginária, hipotética, que separa o céu e a terra. É a referência principal de uma composição figurativa em perspectiva, pois indica a altura do observador. A palavra-chave da perspectiva é: ponto de vista. Toda a composição em perspectiva está sendo construída a partir de um certo ponto de vista, ou seja, mais do alto, mais de baixo, reto ou inclinado.
 
Esse ponto de vista é indicado pela altura em que é colocada a linha do horizonte em relação ao espaço do papel ou da tela. Uma linha do horizonte traçada mais acima no papel indica que observador está olhando a cena de cima para baixo, enquanto uma linha do horizonte traçada na parte debaixo do papel indica que o observador está observando a cena de baixo para cima.
 
O ponto de fuga indica a convergência das linhas paralelas. As linhas paralelas parecem se aproximar na medida em que se distanciam, e um ponto de fuga é a referência que indica essa convergência de linhas em uma mesma direção. A distorção dos objetos na media da em que se afastam, mudando de dimensão, foi citada no vídeo anterior. A perspectiva linear é uma forma de controlar de forma mais ou menos precisa essa mudança de dimensão dos objetos, colocando-os em convergência num mesmo ponto de fuga. Se os objetos estiverem rentes ao chão, esse ponto de fuga se encontrará precisamente sobre a linha do horizonte.
 
Esses princípios teoricamente complexos são muito simples na prática. Uma linha horizontal, um ponto sobre essa linha, e várias linhas traçadas a partir desse ponto. Com essa simples fórmula, você poderá começar a construir objetos com bastante precisão e aprimorar a sua capacidade de mimese. Isso dará uma sensação de um ambiente mais concreto em suas histórias em quadrinhos, desenhos ou qualquer qualquer outra expressão visual figurativa.
 
Meu Website --- Arte dos Quadrinhos
Fanpage no Facebook --- Arte dos Quadrinhos
Canal no YouTube --- Pedro Ponzo
Perfil no Instagram --- artedosquadrinhos
Músicas:
Earth - The Rhythm os Memories.
Martin Rose - Riding On.

A Realidade é Apenas Uma Ilusão, Mas a Arte é Muito Mais que Isso!

Posted in Desenho.